O Franck Muller 365 Port of Vanguard abre as suas portas na quarta-feira 19 de abril no aeroporto de Haneda, enquanto espaço disponível 365 dias por ano que apresenta apenas a última coleção.  

Desde a fundação da marca, em 1992, que o próprio mestre relojoeiro Franck Muller se tem dedicado à temática do “tempo” através da produção de relógios, proporcionando surpresa e alegria ao mundo com as suas ideias originais e sofisticadas capacidades técnicas. Mas nos tempos mais recentes, Franck Muller tem-se dedicado a novos desafios para eternizar os momentos mais preciosos ao criar a “Franck Muller Future Form”, que reflete a sua enriquecedora visão do mundo.

Como a marca celebra este ano o seu 25º aniversário, Franck Muller levou a cabo a criação de um espaço temático ancorado no icónico e futurista relógio Vanguard - um café de tempo limitado com o nome de “Franck Muller 365 Port of Vanguard” que incorpora a identidade Franck Muller e que abre na quarta-feira 19 de abril num aeroporto que serve de porta de acesso a um mundo mais vasto.

O desejo de Franck Muller era mesmo criar um espaço onde todos pudessem relaxar.

O “Franck Muller 365 Port of Vanguard” é um café pouco habitual do qual se pode usufruir para fazer uma pequena pausa e é também um lounge onde se pode relaxar e gozar um pouco do tempo para si. O interior simples decorado com números, a loiça inspirada pelas elegantes linhas e formas do Vanguard, e o espaço intimista com apenas 18 lugares irão fazer-nos certamente refletir face à viagem que temos pela frente. Mas para que essa sensação de bem estar possa prolongar-se para além do aeroporto e ao longo da viagem, os clientes podem levar consigo pastelaria original Franck Muller, um exclusivo do “Franck Muller 365 Port of Vanguard”. A temática do menu é baseada na colaboração entre Franck Muller e o “Japanese-Taste” que o próprio aprecia há muitos anos. Há duas hipóteses: o Daiginjo Chocolat e o Black Bean Pound Cake.

fm_365_haneda_122.jpg

O Daiginjo Chocolat - com sake “Yamadanishiki” de uma cervejaria de Miyagi com cerca de 200 anos de história - tem cobertura de chocolate belga como base e é servido num copo de sake original Franck Muller. A sua riqueza suave e aveludada torna-se possível graças a algumas borras de sake como ingrediente secreto, além disso, o seu rico aroma e sabor irão certamente tantalizar os cinco sentidos.O Black Bean Pound Cake - feito com manteiga fermentada e ovos frescos de Benibana - é um bolo à base da variedade Tamba de feijão preto da qual o Japão muito se orgulha. O sal, cuidadosamente selecionado e que serve de ingrediente secreto, acentua a suavidade e o doce dos feijões pretos, fazendo deste um bolo de sabor muito rico.

O café irá também vender objetos de design originais dos quais os adultos poderão usufruir, como o kendama (disponibilidade limitada), suaves cobertores kashwére da Franck Muller Future Form, e loiça com os icónicos e divertidos numerais bizantinos. Todas estas ideias têm como objetivo levar as pessoas a desfrutar da sua viagem com as famílias ou com aqueles que amam – é este o desejo de Franck Muller.

fm_365_haneda_087.jpg
fm_365_haneda_109.jpg

A parede interior do café foi pintada por Yoshi Sislay - artista japonês, radicado em Barcelona -  que levou a cabo a arte de escrita à mão com a sua sensibilidade única e experiência, inspirado pela filosofia de Franck Muller.

Para Franck Muller, uma viagem não significa apenas viajar através do espaço, mas é um tempo de entusiasmo sobre um novo começo e de construir memórias insubstituíveis. Franck Muller continua, assim, a dar cor a uma viagem eterna - do passado aos dias de hoje e em direção ao futuro - com um sentido refinado de tempo como tema.